Cartão de crédito clonado: saiba o que fazer e como prevenir

Cartão de crédito clonado: Saiba o que fazer e como prevenir através das dicas mencionadas aqui neste artigo.

A clonagem de cartões é um meio de roubar os dados do cartão de uma pessoa e utilizá-los em benefício próprio. Normalmente, o criminoso usa o cartão de crédito alheio para fazer compras, transferências bancárias, solicitações de empréstimos, entre outras coisas.

Esse golpe pode ser feito tanto por meios virtuais, quando o criminoso utiliza os dados da vítima, quanto por meios físicos, quando o criminoso tem o cartão de crédito da vítima em mãos.

Para fugir desse tipo de problema, leia este texto e aprenda como se prevenir da clonagem de cartões.

Cartão de crédito clonado: o que fazer e como prevenir

Golpes do cartão de crédito

Para fazer a clonagem, os criminosos aplicam vários tipos de golpes. Geralmente, um dos golpes mais aplicados é o phising, quando a vítima acessa um link falso e digita todos os seus dados. Normalmente, as pessoas caem nisso quando querem comprar alguma coisa.

Além do golpe do link, outro golpe comum tem a ver com os leitores de cartão. Nesse caso, a vítima insere o cartão em um caixa eletrônico ou numa máquina de cartão de crédito e, sem se dar conta, tem todos os dados de seu cartão capturados.

Após clonarem o cartão de crédito, os criminosos aproveitam os dados para realizar compras na web. Além dos golpes citados, também é possível fazer a clonagem física do chip do cartão.  Apesar desse golpe ser bem mais complicado que os outros, ele acontece com frequência.

 

O que fazer nessa situação?

Se você teve o seu cartão de crédito clonado e não sabe o que fazer, siga as dicas abaixo:

  •         Faça o bloqueio do cartão;
  •         Ligue imediatamente para a empresa que administra o cartão. Depois disso, informe as movimentações financeiras que você não reconhece na fatura;
  •         Após falar com a empresa, a tendência é o cancelamento do cartão. Ademais, eles irão devolver o valor das compras e emitirão um novo cartão de crédito.

Antes de fazer os passos acima, verifique se as compras não foram feitas por você ou por alguém que pegou seu cartão emprestado.

 

Proteja os seus dados

Para se prevenir da clonagem, o primeiro passo é proteger os seus dados e a senha do seu cartão de crédito. Ou seja, jamais entregue essas informações para outras pessoas. Por mais que sejam pessoas próximas e confiáveis, isso é sempre muito perigoso. Além de você, ninguém mais deve saber a sua senha.

Quando estiver numa loja física, ponha a mão na frente quando for digitar a senha, assim, você evitará os curiosos. Se for digitar a senha virtualmente, evite salvá-la em computadores, especialmente nas redes públicas e compartilhadas.

Ao criar uma senha, deixe-a bem complexa, pois isso a tornará mais difícil de ser descoberta. No entanto, é importante que você crie um modo de memorizá-la, pois nunca é bom anotar senhas em local algum.

Por fim, nunca deixe o cartão de crédito à mostra. Os dados dos cartões costumam ser bem visíveis e os criminosos só precisam saber o número e a validade para fazer a clonagem.

Não peça ajuda a estranhos

Quando for utilizar o seu cartão de crédito, nunca peça ajuda a estranhos. Existem muitos criminosos que seguem suas vítimas até as lojas e agências bancárias. Quando eles veem que a pessoa está com alguma dificuldade, eles se aproximam e oferecem “ajuda”. Nesse momento, eles se aproveitam da situação e roubam os dados daquela pessoa.

Se você estiver com alguma dificuldade, chame um funcionário da loja ou do banco. Dessa forma, você terá mais segurança na hora de lidar com seu cartão de crédito. Guarde o nome do funcionário que te atendeu e anote o dia e a hora do atendimento. Com isso, você saberá com quem reclamar caso alguma coisa dê errado.

Todo cuidado é pouco

Ao utilizar o seu cartão de crédito, é importante ter muito cuidado, pois vivemos numa sociedade muito perigosa. Evite fazer compras em sites desconhecidos e, principalmente, jamais forneça seus dados para um site ou empresa que não seja de confiança.

Relacionados